Diretora da E.E. Dr. José A. Mendes faz relato da importância dos eventos científicos para sua escola

A princípio a inscrição nas Olimpíadas Matemática sem Fronteiras para nós era apenas uma forma de aproveitar a oportunidade de realização de avaliações com um banco de questões diferenciadas  para incentivar os alunos a melhorar o conhecimento em matemática. O trabalho já vinha sendo intenso com o Plano de Intervenção Pedagógica, sempre focado no PROEB/SIMAVE – Sistema Mineiro de Avaliação da Educação Básica. Tínhamos consciência do trabalho desenvolvido, mas imaginávamos, diante do nível das questões, que nossos alunos alcançassem resultados tão expressivos nas provas realizadas, talvez porque nosso foco estivesse em outros resultados ou seja no SIMAVE.

A Rede POC trouxe não só um banco de questões para desenvolvimento de um trabalho. Trouxe também a oportunidade de alçar vôos com busca de novas conquistas.

Alcançar as medalhas foi o primeiro passo e ajudou a elevar a auto estima dos nossos alunos. Daí, veio o desafio maior, adquirir recursos para viagem uma vez que não obtivemos resposta do governo do Estado. Iniciamos, então, uma “peregrinação”. Montamos um projeto de lançamento de um livro e para compô-lo criamos as páginas de ouro, com o objetivo de alcançar recursos da comunidade para garantir a participação de nossos alunos.

A cada contato com amigos, professores, empresários, órgãos públicos: Prefeitura, Policia Militar e Civil e outros e ainda diversas entidades, acendia uma nova chama de ânimo e muito otimismo. As contribuições foram chegando de pouco a pouco e percebemos o quanto nossa comunidade está carente de resultados positivos, principalmente no tocante aos jovens.

Com muito esforço e muita determinação conseguimos concretizar o sonho que deixou de ser só da escola, para ser da nossa cidade, pois tudo que se ouvia era vai dar certo!  Vocês vão conseguir.

E assim foi. Conseguimos.

Em Lucknow, nossos alunos participaram de várias provas, conseguiram medalhas em uma delas e foram classificados para concorrer na Tailândia em 2018.

Agradecemos a Rede POC o incentivo e a oportunidade ímpar de representar o Brasil numa competição tão importante como essa. Agradecemos também a todos que acreditaram em nosso projeto.

Iniciaremos agora nova etapa, firmes e parceiros dessa equipe que nos proporcionou tão valorosa conquista.

Elzelene Santos Soares de Sá- Diretora da E.E.Dr. José Americano Mendes


Gabriel Menegazzi Conceição                                                                                    Zootecnista pela Universidade Federal de Santa Maria – UFSM                               Representante internacional e editor do blog da Rede POC                                   Email: menegazzi@mail.ufsm.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *